O projeto iniciou com funcionários do departamento de comunicação, mas é aberto aos funcionários do HNSG que queiram participar. Créditos da foto: Ellen Emy Fotografia.
Anjos da Alegria ajudam na recuperação de pacientes do HNSG

Criado por  funcionários do Hospital Nossa Senhora das Graças, o grupo Anjos da Alegria torna o processo médico de muitos pacientes mais agradável

Lana Gillies

Todas as semanas, sem a existência de um dia fixo, os Anjos da Alegria tornam os leitos dos pacientes e corredores do Hospital mais coloridos. Ao vestirem-se de palhaços, auxiliam no tratamento e na recuperação dos que se encontram há muito tempo internados, focando principalmente nos pacientes das áreas de hematologia e oncologia.

Através de brincadeiras, jogos, músicas e conversas, os resultados do atendimento ultrapassam os parâmetros emocionais e alcançam os físicos, ao aumentar o nível de motivação para melhora dos hospitalizados.

O projeto iniciou com funcionários do departamento de comunicação, mas é aberto aos funcionários do HNSG que queiram participar
Foto: Ellen Emy Fotografia

A realização de ajuda varia de cada paciente

O primeiro ato de solidariedade foi a Serenata de Natal realizada em 2009 junto às Irmãs Filhas da Caridade-Vicentinas do HNSG e voluntários. Na apresentação natalina, todos se caracterizaram de presépio vivo e fizeram uma serenata, levando em todos os leitos e UTI’s a imagem do menino Jesus.

Nessa época de festas muitos pacientes que ficam internados não tem condição para ir para casa. “A vontade é de fazer algo a mais”, comenta a Palhaça Mel, Coordenadora da Comunicação do Hospital Nossa Senhora das Graças.

A participação no grupo vai além da dos médicos e enfermeiros, atinge também funcionários da assessoria de imprensa e atendimento. Porém, o voluntariado é restrito e somente aos funcionários do Hospital.

[vsw id=”FkIM-o4-EhI” source=”youtube” width=”425″ height=”344″ autoplay=”no”]

Vídeo elaborado por pacientes do setor de Hematologia e Transplante de Medula Óssea do Hospital Nossa Senhora das Graças.

Fechado para comentários.