logo-jpg
Checking Mate analisa afirmações dos candidatos

Frases foram verificadas por estudantes do 4º período


Saiba mais sobre o projeto


Gustavo Fruet         

“Curitiba está em primeiro lugar entre as capitais no ensino fundamental. Seu índice é de 6,3 superior ao de 2013 e superior e as metas estabelecidas no MEC”. Gustavo Fruet, em postagem no Instagram.

selos-02

De acordo com o candidato Gustavo Fruet, Curitiba está em primeiro lugar entre as capitais no ensino fundamental, o que é confirmado pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), porém, os números apontam que Curitiba se encontra em 76º lugar no ranking do Ideb das cidades do Paraná.

 

Por Isabella Beatriz Fernandes Rocha e Patricia Guaselle

———————————————————————————————————

Ney Leprevost

“Ney é um dos autores da Lei do Teste do Coraçãozinho”. Ney Leprevost em seu Facebook.

selos-02

A Lei n° 17.231/2012 inclui a oximetria de pulso, o Teste do Coraçãozinho, nos exames obrigatórios realizados em recém-nascidos nas maternidades e casas hospitalares do Estado do Paraná. O projeto de Hermas Brandão teve anexados dois outros projetos, também apresentados na Assembleia Legislativa pelos deputados Ney Leprevost e Marcelo Rangel.

Por Yngrid Camargo

———————————————————————————————————

Rafael Greca

Em seu Plano de Governo, Greca destaca que criou a Farmácia Popular, que oferecia remédio barato e de qualidade para quem mais precisava.

selos-03

Quando deputado, Greca apresentou o PL-6069/2002, que dispõe sobre a obrigatoriedade de equipamento e farmácia básica de reanimação, por parte das clinicas que realizam cirurgias, e dá outras providências. No entanto, o PL foi retirado de pauta pelo relator e arquivado.

Por Vinicius Scott

———————————————————————————————————

Tadeu Veneri           

“Não chega a 6% o volume do lixo recolhido na cidade que é reciclado”, afirma Tadeu Veneri em seu Facebook

selos-01Segundo estudos realizados pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e dados do Observatório da Política Nacional de Resíduos Sólidos, 5,7% do lixo coletado em Curitiba é reciclado.  A pesquisa discute mais de 30 indicadores sobre a gestão integrada de resíduos sólidos urbanos de Curitiba.

Por Anna Laura Ferraz, Bruna Bonzato, Gabriel Callegari, Gabriella Bacinelo e Maria Tereza Seabra

———————————————————————————————————

Xênia Mello

 

“Você sabia que 70% do legislativo não é eleito com o voto direto mas é eleito pelo voto atingido pelo coeficiente eleitoral?”.Xênia Mello, em seu Facebook.

selos-01

A candidata afirmou que 70% – uma grande porcentagem – do legislativo não é eleita de forma direta. A informação é verdadeira: de acordo com o site da Câmara dos Deputados, por exemplo, as coligações que receberam mais votos tem direito à mais cadeiras (das 513) dentro da câmara.

Por Isabella Beatriz Fernandes Rocha e Patricia Guaselle

 

———————————————————————————————————

Requião Filho

“Implantar na Rede Municipal de Ensino um Programa Estruturado de Formação Continuada. Esta é a prioridade para a elevação da qualidade de ensino. Isso ficou comprovado com o PDE, entre 2003 e 2010, período em que o ensino público estadual obteve as melhores avaliações no país”. Requião Filho, em seu Plano de Governo.

selos-01No plano de governo de Requião Filho, o candidato destaca que o ensino público estadual obteve as melhores avaliações no país entre 2003 e 2010 graças ao Plano de Desenvolvimento da Educação. O Paraná ficou entre os 10 melhores lugares no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) em 2005 e entre os 5 em 2007 e 2009 entre os alunos do ensino fundamental nos anos finais (6º ao 9º ano) da rede pública, mas com notas que oscilam entre 3,3 e 4,1. Já entre os alunos do ensino médio, o Paraná ficou em 5º, 2º e 1º lugar no Ideb dos anos de 2005, 2007 e 2009, respectivamente, com notas que oscilam entre 3,3 e 3,9.

Por Mateus Bossoni, Ivo Neto, Jaqueline Dubas e Cristielle Barbosa

———————————————————————————————————

 

Maria Victoria

A candidata afirma, em seu Facebook, que segundo a pesquisa 03805/2016 e estaria em um empate técnico com Gustavo Fruet e Ney Leprevost.

selos-04

De acordo com pesquisas registradas no site do TRE e do TSE, Maria Victória aparece com 7,98%. Os candidatos Fruet 12,88% e Leprevost 10,81% das intenções de votos, respectivamente.

Por Jonas Batista de Souza Filho, Joshua Raksa Vieira, Michel Cordeiro Moreira e Rafaela Trevisan Cortes

———————————————————————————————————

Ademar Pereira

“Curitiba, hoje, apresenta números de criminalidade alarmantes. Em algumas pesquisas está como a terceira capital mais violenta do país – atrás apenas de Belém e Maceió”. Ademar Pereira, em seu Plano de Governo.selos-05O Mapa da Violência, divulgado em 2016, faz uma análise sobre a letalidade das armas de fogo, dados adotado por diversas instituições para evidenciar taxas de violência. Nesta listagem Curitiba aparece em 15º lugar entre as capitais com mais homicídios por arma de fogo. Os números são de 2014 e foram agrupados pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso Brasil), entidade que realiza pesquisas em parceria com o Governo Federal e a Unesco.

Por Guilherme Novakoski

———————————————————————————————————

Rafael Greca

“Eu que fiz a primeira internet pública do país”. Rafael Greca, em vídeo no Youtube.

selos-03

Segundo o Instituto das Cidades Inteligentes (ICI), a Prefeitura de Curitiba lançou no ano 2000, o projeto Digitando o Futuro, criando pontos de acesso À internet nos Faróis do Saber, o que tornou Curitiba a primeira cidade no Brasil com rede pública e gratuita de internet. O candidato Rafael Greca de Macedo afirma que ele foi o responsável pelo projeto, o prefeito no lançamento projeto (ano 2000) era Cassio Taniguchi.

Por Isabella Beatriz Fernandes Rocha e Patricia Guaselle

———————————————————————————————————

Ney Leprevost

“Logo em seu primeiro mandato, Leprevost idealizou e concretizou a linha de ônibus Inter Hospitais pensando em beneficiar todo o Paraná. Ligando os principais hospitais de Curitiba e outros importantes centros de saúde, a linha Inter Hospitais consolidou-se como uma alternativa eficiente de transporte coletivo para as pessoas que necessitam de atendimento médico”. Ney Leprevost, em seu Facebook.

selos-01

Ney Leprevost idealizou o projeto de linha de ônibus Inter Hospitais, que liga os principais centro médicos da capital paranaense. A proposição de Leprevost ocorreu em seu primeiro mandato como vereador.

Por Igor Arendt

———————————————————————————————————

Gustavo Fruet         

“Desde 2013, o número de área verde cresceu 3 vezes mais do que nos 20 anos anteriores”. Gustavo Fruet, em seu Facebook.selos-02O atual prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, exagerou ao dizer, em suas redes sociais, o tamanho da atual área verde da cidade. É verdade que desde o início da sua gestão – em 2012 –houve um crescimento nessa área. No entanto, em 2016, os números atuais baixaram novamente, são: 101.634.876 metros quadrados de áreas verdes, cujo valor é aproximado ao ano de 2010, 101.692.436 m2. Apesar disso, Curitiba continua tendo um dos melhores índices de área verde do mundo. Os dados são do Programa Cidades Sustentáveis, com indicadores da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e do IBGE.

 

Por Ana Luiza Moraes

———————————————————————————————————

Requião Filho

“Atualmente, Curitiba possui dez Distritos Sanitários e conta com 109 unidades de saúde, sendo que 65 são da saúde da família”, destaca Requião Filho, em seu Plano de Governo, como uma forma de mostrar como esses locais, se bem utilizados, podem ser benéficos e atender à grande demanda da população de Curitiba.

selos-01Em sua proposta de governo, o candidato Requião Filho ressalta a quantidade de Distritos Sanitários e unidades de saúde em Curitiba. De fato, como o candidato do PMDB afirmou, a cidade conta com os dez Distritos Sanitários e 109 Unidades de Saúde (US). Confira a lista de Distritos e o número de US que cada bairro contém.

Por Caroline Deina

———————————————————————————————————

Rafael Greca

Greca destaca que Curitiba está no parte de baixo da tabela no ranking das cidades para se dirigir no mundo. Segundo ele, em postagem no Facebook, Curitiba está empatada com Cartagena, na Colômbia, e Kuantan, na Malásia ocupa a posição 134 no levantamento feito pelo Waze.

selos-01

De acordo com o site oficial do aplicativo Waze, Curitiba está na 134º posição no ranking de melhores cidades para dirigir no mundo.

Por Ana Lucy Fantin Gonçalves, Ana Luiza Moraes do Nascimento e Débora Gonçalves de Macedo

———————————————————————————————————

Maria Victoria

“Garantir passa livre para todo aluno de escola pública e bolsista que tiver 95% de frequência”, propõe Maria Victoria, em vídeo no Youtube.

 

selos-03

O passe escolar já permite que alunos de escolas públicas e até mesmo particulares não paguem passagens em 200 dias letivos no ano, desde que comprovem renda inferior a determinado valor (a candidata não explica se isso será necessário em seu projeto).

 

Por Isabella Beatriz Fernandes Rocha e Patricia Guaselle

———————————————————————————————————

Ademar Pereira       

“Nosso projeto implica na melhoria da administração do atual orçamento da Cidade de Curitiba que é de aproximadamente R$ 8 bilhões por ano”. Ademar Pereira, em seu Plano de Governo.

selos-02

O candidato  destaca que o orçamento anual de Curitiba é de aproximadamente 8 bilhões de reais. Na lei orçamentária anual de Curitiba em 2016, o valor previsto é de 7,73 bi de reais, uma diferença de R$ 270 milhões de reais.

Por Cristielle Barbosa, Ivo Tragueto Neto, Jaqueline Dubas, Mateus Bossoni

———————————————————————————————————

Requião Filho

“Quanto ao Uber, qualquer um que diga que vai regulamentar está mentindo. Este tipo de concessão cabe ao governo federal. O máximo que a prefeitura pode fazer é cobrar o ISS”, Requião Filho, em seu site.

selos-04

Em São Paulo, a Lei para implantação do Uber foi aprovada na câmera de vereadores e posteriormente, sancionada pelo Prefeito. O Uber já paga ISS, o que significa que o transporte já foi regularizado sem a intervenção do Governo Federal. O projeto de lei que regulamenta o transporte privado e individual de passageiros em Curitiba tramitou na Câmara Municipal e aguarda ação ou manifestação do Executivo.

Por Carolina Naús Piazzaroli, Vitória Gabardo de Oliveira, Nicolle Heep, Hanna Siriaki Lenartovicz  e Amanda Sant’anna Mann

———————————————————————————————————

Ney Leprevost

“Vocês sabiam que o Ney é o autor da Lei da Ficha Limpa no Paraná?”. Ney Leprevost, em seu Facebook.

selos-02

Ney Leprevost é um dos autores da Lei da Ficha Limpa, PL 541/11. A proposição, aprovada em primeira discussão, dispõe sobre a vedação para ocupar cargos cargos em comissão ou funções no âmbito do Paraná, que fica vedada àqueles que tenham cometido crimes contra a fé pública, contra a economia popular, tráfico de entorpecentes ou crimes contra a vida e a dignidade sexual, entre outros delitos.

Por Kátia Francisca de Oliveira, Kevin Da Silva Cruz, Yasmin de Brito Soares e Yngrid Rayssa de Lima Camargo

———————————————————————————————————

Tadeu Veneri

“Curitiba perdeu no último ano 8% dos usuários [de transporte público]”. Tadeu Veneri, em postagem em sua página da rede social Facebook.

selos-01

O candidato afirmou que no último ano 8% dos usuários de transporte público abandonou esse tipo de locomoção. A informação é correta, de acordo com a Associação Nacional de Empresas de Transporte Urbano (NTU), o número caiu de 231,7 milhões para 213,1 milhões, 18,6 milhões de passageiros a menos.

 

Por Isabella Beatriz Fernandes Rocha e Patricia Guaselle

———————————————————————————————————

Rafael Greca

Rafael Greca  ressalta, em postagem no Facebook, que entre janeiro de 2013 e junho de 2016 foram fechados 576 leitos de SUS em Curitiba.

selos-04

O candidato não especifica o tipo de leito, mas conforme o DataSus do Ministério da Saúde, a variação no total de leitos (clínico ou cirúrgico) apresentou uma diminuição de 194 leitos.

 

Por Kátia Francisca de Oliveira, Kevin Da Silva Cruz, Yasmin de Brito Soares e Yngrid Rayssa de Lima Camargo

———————————————————————————————————

Maria Victoria

“É necessário, agora, uma decisão firme e prática sobre o tema, concluindo o plano Agache do transporte público iniciado há 50 anos”. Maria Victoria, em seu Plano de Governo.

 

selos-05

A apuração buscou saber quando o Plano Agache do transporte público foi executado. O Plano Agache (de forma geral) começou a ser desenvolvido em 1941 e foi entregue à Prefeitura de Curitiba em 1943. Consistia em um sistema radial de vias ao redor do Centro e o calçadão da Rua VX e o Mercado Municipal vieram deste plano que foi utilizado até 1958, há 73 anos, portanto, há mais de 50 anos.

Por Patrícia Guaselle

———————————————————————————————————

Xênia Mello

“O Paraná é o 3º estado onde mais se matam as mulheres no Brasil, com uma taxa de feminicídio de 6,3 casos em cada 100 mil mulheres”. Xênia Mello em seu Plano de Governo.

selos-05

Em seu programa de governo, a cadidata do PSOL Xênia Mello, utilizou dados referentes à violência contra a mulher no Paraná, identificado por ela como o terceiro estado onde mais se matam mulheres no Brasil. Porém, de acordo com o último Mapa da Violência, divulgado em 2015, o Paraná possui uma taxa de feminicídio de 5,2 casos a cada 100 mulheres, colocando-o na 19º posição no ranking brasileiro.

Por Caroline Deina

———————————————————————————————————

Requião Filho

“Sanar o déficit habitacional (primeira recomendação da nova agenda da ONU – Agenda 2030 – habitação segura, adequada e a preço acessível, a serviços básicos e urbanizar as favelas”. Requião Filho, em seu Plano de Governo.

selos-06

O primeiro objetivo de Desenvolvimento Sustentável estipulado pela Organização das Nações Unidas (ONU), para 2030 é “acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares”. Em sua proposta de governo, Requião Filho admite que irá sanar o déficit habitacional, e isso, de fato, está incluído na primeira proposta da ONU, mesmo que não esteja claro. No desenvolvimento do Objetivo 1, especificamente no 1.4, até 2030 a ONU quer “garantir que todos os homens e mulheres, particularmente os pobres e vulneráveis, tenham direitos iguais aos recursos econômicos, bem como o acesso a serviços básicos, propriedade e controle sobre a terra e outras formas de propriedade, herança, recursos naturais, novas tecnologias apropriadas e serviços financeiros, incluindo microfinanças”.

Por Julia Favaro

———————————————————————————————————

Ney Leprevost

Ney Leprevost ressalta, em seu Facebook, que estará no segundo turno, disponibiliza inclusive postagens antecipando apoio do candidato no segundo turno. O candidato diz “estaremos no segundo turno.”

selos-06De acordo com a última pesquisa divulgada pelo instituto Opinião encomendada pela rede Band News FM (número de registro PR 03805/2016) o candidato Ney Leprevost se encontra em um empate técnico com o prefeito Gustavo Fruet. O levantamento aponta Leprevost com 10,81% dos votos e Fruet com 12,88%. No entanto, como a pesquisa tem uma margem de erro de 2,83% para mais ou para menos é possível considerar que estão tecnicamente empatados, assim como é possível considerar que Greca e Fruet estão liderando as campanhas.

Por Jonas Batista de Souza Filho, Joshua Raksa Vieira, Michel Cordeiro Moreira e Rafaela Trevisan Cortes

———————————————————————————————————

Ademar Pereira

“Um estudo realizado na Coreia do Sul demonstrou que aproximadamente 2,1 % das crianças do país possuem superdotação ou altas habilidades. Ora, devemos pensar que esta estatística também se aplica em nosso país; portanto milhares de crianças – pequenos gênios – com essas habilidades estão sendo marginalizadas por um sistema que não é preparado para recebê-las, orientá-las e educá-las. Em nossa administração a Prefeitura criará centros de excelência para atender essas crianças e desenvolver seu potencial. A cidade não pode abrir mão de suas ‘mentes brilhantes’.” Ademar Pereira, em seu Plano de Governo.selos-05Em suas propostas, o  candidato Ademar Pereira, afirma que a cidade de Curitiba não possui um sistema preparado para receber, orientar e educar as crianças com superdotação. A  solução, segundo ele, seria criar centros de excelência para atender essas “mentes brilhantes”. Porém, Curitiba atende essas crianças, contando com um Serviço de Atendimento Especializado em Altas Habilidades/Superdotação, com três centros municipais, responsável pelo acompanhamento aos educandos, a orientação às equipes das unidades educacionais e às famílias.

Por Caroline Deina

———————————————————————————————————

Maria Victoria

“Ontem conversei sobre turismo no Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação com as principais lideranças do setor, que inclui hospedagem, gastronomia, captação de ventos e profissionais liberais, gera 4% do PIB estadual e abrange mais de 22 mil empresas!” Maria Victoria, em seu Facebook.

selos-01Segundo estudo do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), o setor de Turismo compõe as atividades de Meios de Hospedagem, Serviços de Alimentação e Agências de Turismo, como cita a candidata à Prefeitura de Curitiba, Maria Victoria no seu Facebook. Ainda segundo o Ipardes, em seu último estudo divulgado sobre o tema, o setor produz cerca de 3% a 4% do Produto Interno Bruto (PIB) da maioria das economias mundiais.

Por Gabriel Gallegari

———————————————————————————————————

Ney Leprevost

Em vídeo no Youtube, Ney Leprevost afirma que foi reeleito deputado estadual mais votado de Curitiba, em 2010 com cerca de 80 mil votos. “Depois fui eleito o deputado mais votado de Curitiba, mandato que exerço até os dias atuais”.

selos-05

Na divulgação do resultado das votações constata-se que o candidato não foi  o mais votado em 2010 para deputado estadual.

Por Kátia Francisca de Oliveira, Kevin Da Silva Cruz, Yasmin de Brito Soares e Yngrid Rayssa de Lima Camargo

———————————————————————————————————

Xênia Mello

“A quantidade de vagas em CMEIs (Centros Municipais de Educação Infantil) criadas pela gestão Fruet está longe de atender a demanda. Cerca de 10 mil crianças estão na fila de espera”. Xênia Mello, em seu Plano de Governo.

selos-06Segundo ofício assinado pelo prefeito, Gustavo Fruet, em abril de 2015: ” demanda manifesta no Município de Curitiba na educação infantil no mês de abril: 9.888″. Porém, a Promotoria de Justiça de Proteção à Educação ajuizou, em 30 de junho de 2014, ação civil pública cobrando do Município de Curitiba a disponibilização universal de vagas em unidades de educação infantil. Nesta ação, consta a relação de todas as crianças que não obtiveram vagas em CMEIs e creches e que cujos pais noticiaram o fato ao Conselho Tutelar ou ao órgão ministerial. São cerca de 24 mil crianças nominadas somente nessa ação.

Por Livia Mattos

———————————————————————————————————

Rafael Greca

Rafael Greca  destaca, em seu site, que a atual gestão gasta muito e devolve pouco para os curitibanos, já que o setor da Saúde ter orçamento de R$ 1,6 bilhão.

selos-01Em uma das notícias publicadas no site do candidato Rafael Greca afirmou que Curitiba tem hoje um orçamento de R$ 1.6 bilhão na área da saúde. De acordo com dados sobre as leis orçamentárias municipais, que consta no site da Fundação de Ação Social (FAS), órgão público responsável pela gestão da assistência social na Cidade, a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016 apresenta uma despesa de cerca de 1,6 bilhões para a saúde na cidade.

Por Sophia Thereza Cabral, Sarah Jennifer da Silva de Lima, Thais Camargo Silva  e Erica Hong Cabrera .

———————————————————————————————————

Gustavo Fruet         

“Com a decisão da atual gestão de superar o mínimo constitucional estipulado em 25% e elevar para 30% o investimento na educação, as ações dessa área têm garantido a ampliação da educação infantil e o acesso e permanência a um ensino fundamental de qualidade”. Gustavo Fruet, em seu Plano de Governo.selos-02Segundo a constituição, o investimento de 25% na educação é o mínimo obrigatório. Segundo o artigo 212 da Constituição: “A União aplicará, anualmente, nunca menos de dezoito, e os Estados, o Distrito Federal e os Municípios vinte e cinco por cento, no mínimo, da receita resultante de impostos, compreendida a proveniente de transferências, na manutenção e desenvolvimento do ensino.”

Por Guilherme Novakoski

———————————————————————————————————

Ademar Pereira

“A inovação no sistema de transporte coletivo promovida por gestões municipais nos anos 70 e 90 foi motivo de grande orgulho para nós”. Ademar Pereira, em seu Plano de Governo.selos-01Segundo o candidato Ademar Pereira em seu plano de governo, a inovação do transporte coletivo nos anos 1970 e 1990 foram motivo de orgulho para os curitibanos. O posicionamento é confirmado pelo relatório de comissão no Senado Federal quanto às mudanças no transporte coletivos nesses anos, que aponta que Curitiba tem uma trajetória de inovação no transporte que atrai atenção, principalmente pela implantação da Rede Integrada de Transportes (RIT), consolidada em 1980 pela adoção da tarifa única e dos terminais de integração ou, mais tarde, das estações tubo, em que foi pioneira.

Por Ema Cristina e Giovanna Rell

———————————————————————————————————

Requião Filho          

“Parabéns Curitiba e Gustavo Fruet, ultrapassamos a meta estabelecida pelo MEC no IDEB (Índice de Desenvolvimento de Educação Básica)”. Requião Filho, em sua página no Facebook .

selos-02

De acordo com o site do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), a meta foi atingida em 2015 apenas pela 4ªsérie/ 5 ano. Já as outras séries que constam no site (8ª série/9º ano e 3º ano EM), tiveram a meta alcançada apenas em 2007, 2009 e 2011.

Por Anna Laura Ferraz, Bruna Bonzato, Gabriel Callegari, Gabriella Bacinelo e Maria Tereza Seabra

———————————————————————————————————

Xênia Mello

” 70% dos moradores de rua trabalham”. Xênia Mello, em seu facebook.selos-06Diversas publicações confirmam o valor de 70%, incluindo uma postagem no site oficial do Governo do Paraná, de 2008. Porém, é prematuro afirmar tendo-se em vista que não há pesquisas recentes sobre o tema.

Por Igor Arendt Ramos, Ruan Felipe da Silva e Yuri Maruan Barbosa Bascope

———————————————————————————————————

Ademar Pereira       

Ademar Pereira questiona, em postagem em seu Facebook, por que ainda não foi implantado o sistema de bilhete único em Curitiba.selos-02Tramita na Câmara Municipal de Curitiba o projeto de lei ordinária nº 005.00161.2014, de autoria do vereador Bruno Pessuti, que pretende alterar a Lei Municipal nº 12597/2008 acrescendo parágrafo ao art. 26 dispondo sobre a forma de cobrança da tarifa de transporte público coletivo municipal. O autor destaca as vantagens da utilização de bilhete único no sistema de transporte coletivo, salientando a necessidade de realização de estudos para implantação do sistema de bilhetagem proposto. A tramitação guarda ação ou manifestação do Executivo.

Por Kátia Francisca de Oliveira, Kevin Da Silva Cruz, Yasmin de Brito Soares e Yngrid Rayssa de Lima Camargo

———————————————————————————————————

Maria Victoria         

“50% das crianças tem dificuldade em matemática”. Maria Victoria em vídeo no Youtube
selos-02
O Ideb de Curitiba no ano de 2015, na 4ª série (5º ano), foi de 6,3. O índice nesta etapa foi de 53,6%, mesmo sendo acima da meta (de 48,1) na disciplina de matemática, há um grupo de 46,4% com dificuldades nesta disciplina.

Por Ana Lucy Fantin Gonçalves, Ana Luiza Moraes do Nascimento e Débora Gonçalves de Macedo

———————————————————————————————————

Tadeu Veneri

Em seu site, ele afirma ter criação da lei 15.051 em 2009, que garante transporte gratuito para deficientes.

 

selos-01

De acordo com informações da Assembleia Legislativa, o candidato a prefeitura de Curitiba Tadeu Veneri, foi o responsável, quando deputado, por criar a lei 15.051/06,  que garante transporte gratuito intermunicipal para portadores de deficiências com apresentação de atestado dos conselhos municipais.

Por Vinicius Scott

———————————————————————————————————

Gustavo Fruet         

“Curitiba é 3.º lugar entre as capitais com melhor bem-estar urbano”. Gustavo Fruet, em seu site.selos-01As capitais dos estados brasileiros e do distrito federal também apresentam  condições de bem-estar urbano, como pode ser observado no Índice de Bem-Estar Urbano (Ibeu), publicação que reúne dados do IBGE, elaborada pelo Observatório das Metrópoles. Do total de 27 capitais, 12 delas apresentam condições boas de bem-estar urbano, sendo as primeiras: Vitória (1ª), Goiânia (2ª), Curitiba* (3ª), Belo Horizonte (4ª) e Porto Alegre (5ª).

Por Kátia Francisca de Oliveira, Kevin Da Silva Cruz, Yasmin de Brito Soares e Yngrid Rayssa de Lima Camargo

———————————————————————————————————

Xênia Mello

“Curitiba apresenta hoje 1,6 habitante por veículo, maior taxa entre os municípios brasileiros (empatada com outros municípios). Evidentemente, o problema não advém do fato de as pessoas poderem comprar automóveis (o que deveria ser um direito de todos), mas de elas usarem esses automóveis para todas as tarefas rotineiras, como deslocar-se para o trabalho e a escola”. Xênia Mello, em seu Plano de Governo.

 

selos-05

A candidata apresentou dados para sustentar a sua tese de que as pessoas utilizam muito o carro como meio de transporte, o que gera um resultado de 1,6 habitante por veículo, atualmente. De fato, Curitiba é um dos municípios brasileiros com a maior taxa, porém, com 1,8 habitantes por veículo e não 1,6. Apesar de a informação não corresponder ao ano de 2016, ela é a mais atual nesse quesito, sendo de dezembro de 2015.

Por Julia Favaro

———————————————————————————————————

Tadeu Veneri

Em vídeo, em seu Facebook pessoal, Tadeu afirma que não são permitidos financiamentos de campanha por empresas privadas,  somente por pessoas físicas. Além disso, pede doações para sua campanha.

selos-01

Segundo a reforma Política de 2015, aprovada pelo plenário, pela PLC 75/2015,  está realmente proibido o financiamento de campanhas eleitorais por Pessoa Jurídica: “Art. 24. É vedado, a partido e candidato, receber direta ou indiretamente doação em dinheiro ou estimável em dinheiro, inclusive por meio de publicidade de qualquer espécie, procedente de pessoa jurídica de direito público, interno ou externo, e de direito privado”.

Apenas pessoas físicas podem fazer doações. Porém, elas devem ser feitas aos partidos políticos, que repassaram o dinheiro para as campanhas, e não a um candidato discriminadamente, como pede Tadeu Veneri. “Art. 39. O partido político pode receber doações de pessoas físicas para constituição de seus fundos”.

Por Guilherme Novakoski

———————————————————————————————————

Gustavo Fruet         

“Curitiba adotou medidas verdadeiramente civilizatórias no trânsito. Conseguiu assim, uma redução de até 40% nos acidentes fatais. No Dia Mundial Sem Carro, nossa cidade tem muito o que comemorar.” Gustavo Fruet em sua página no Facebook.

 

selos-06Gustavo Fruet afirmou que houve uma redução de 40% do número de acidentes fatais de trânsito. Porém, não especificou em relação a qual período é esse dado. O Anuário do Detran (o mais recente de 2014) mostra que houve uma redução de 13% nos acidentes de carro  entre 2011 e 2014 em todo Paraná. Aponta que nesses mesmos quatro anos, houve uma diminuição no número de acidentes em Curitiba de 11,8%.  E o número de vítimas em acidentes caiu 3,9%.

Por Ana Lucy Fantin, Ana LuizaMorais e Débora Macedo

———————————————————————————————————

Tadeu Veneri

“Investir na preservação dos patrimônios histórico, cultural e arquitetônico da cidade”. Tadeu Veneri em seu Plano de Governo.

selos-03Em seu Plano de Governo, Tadeu Veneri afirma que irá investir na preservação dos patrimônios culturais de Curitiba. Porém, o candidato não esclarece como fará. Vale lembrar que já existe uma lei que protege o Patrimônio Cultural de Curitiba, é a Lei14.794, de 22 de março de 2016.

Por Mateus Bossoni, Ivo Tragueto Neto, Jaqueline Dubas e Cristielle Barbosa

———————————————————————————————————

Fechado para comentários.