Spotteds ganham popularidade no Facebook

“O anonimato neste sentido se transforma em um modo estratégico e peculiar de alcançar pessoas sem necessariamente assumir os desgastes das relações presenciais”

Por Jheniffer Andrade

 

As Spotteds, páginas criadas no Facebook com o intuito de mandar cantadas anônimas, têm se tornado cada vez mais populares entre os universitários de Curitiba. Criadas no início de abril, as páginas são conhecidas por grande parte dos estudantes da capital paranaense, alcançando popularidade em um curto período de tempo.

Comparada ao antigo correio elegante, muito utilizado em festa juninas, cuja finalidade era encaminhar mensagens em anonimato através de bilhetes de papel, as Spotteds surgem com a mesma intenção. Porém, com os crescente avanço da tecnologia e o fato de as mídias sociais estarem cada vez mais presentes na vida dos jovens, as Spotteds se diferenciam dos correios elegantes por deixarem de lado o bilhete de papel e fazerem uso de páginas cem redes sociais, principalmente o Facebook.

O maior diferencial dessas páginas é o fato de que a identidade de quem encaminha as mensagens e de quem administra a página é mantida em segredo. De acordo com Solange Fernandes, Doutora em Serviços Sociais e professora da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), “todo processo de anonimato é uma porta aberta e por ela pode passar de tudo. O anonimato neste sentido se transforma em um modo estratégico e peculiar de alcançar pessoas sem necessariamente assumir os desgastes das relações presenciais”.

UNIVERSITÁRIOS APROVAM

Por conter esse caráter de anonimato e ser direcionada a um público jovem, as páginas são uma novidade no mundo digital. A página Spotted: PUCPR é a mais popular dentre as universidades de Curitiba, contabilizando 5.665 curtidas. De acordo com os administradores da página, que preferem não se identificar, “o objetivo é fazer com que os alunos da PUCPR interajam e divirtam-se”.

Para Luan Albonetti Rühle, estudante de Arquitetura e Urbanismo da PUCPR, e uma das primeiras “vítimas” do Spotted na universidade, a ideia da pátina é diferente e divertida, o que atrai tanta popularidade. O estudante comenta ainda, que se sentiu surpreso ao se deparar com uma foto sua na página e uma cantada de uma admiradora anônima.

Porém, segundo a professora Solange, todo o sucesso que as Spotteds fazem atualmente é um modismo passageiro, uma vez que, a sociedade atualmente é pautada em relações sociais muito superficiais.

Fechado para comentários.