Furacão empata e chega à final da Copa do Brasil

O Atlético PR vai até o Rio Grande do Sul enfrentar o tricolor gaúcho e garante vaga na final do campeonato

Por Giulie Carvalho

Foto: Divulgação do Site Oficial do Atlético-PR

Foto: Divulgação do Site Oficial do Atlético-PR

O Atlético Paranaense, nesta quarta-feira (06), viajou até a Arena do Grêmio para enfrentar o time gaúcho pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil. A primeira partida foi jogada no Estádio Durival Britto, mais conhecido como Vila Capanema, em Curitiba, e nesta, o furacão largou na frente com gol de Delatorre aos 36 minutos do primeiro tempo.

O segundo confronto não teve tanta emoção em campo em sua primeira etapa, mas dos 45 aos 90 minutos da outra, o Atlético sofreu com grande pressão do rival Grêmio e de sua torcida de mais de 40.000 pagantes. Mesmo assim, o clube paranaense segurou o empate sem gols até o último minuto, garantindo vaga inédita.

Das atuações brilhantes, destacam-se as defesas. O goleiro Weverton foi considerado um dos melhores em campo. Fez cinco defesas importantes das quais três foram consideradas dificílimas. Outro importante jogador na partida foi o zagueiro Deivid que fechou a área de ataque gremista e além dos vários desarmes, ainda auxiliou na criação das jogadas.

Foto: Divulgação do Site Oficial do Atlético-PR

Foto: Divulgação do Site Oficial do Atlético-PR

Principais Lances

O técnico Renato Gaúcho montou seu esquema tático a La 4-4-2, para não ter problemas com a defesa e conseguir realizar jogadas do meio campo para frente. Mancini também fechou sua equipe, que muitas vezes contava com três zagueiros em cima de um atacante rival, e apostou na rapidez dos contra golpes atleticanos.

Uma cabeçada de Rhodolfo logo ao primeiro minuto preocupou o tricolor, que não teve grandes reações no primeiro tempo. No segundo, em compensação, foi com tudo para cima do alvinegro e com gol anulado de Ramiro, por falta cometida por Barcos no defensor e bola no travessão do mesmo autor do gol, o Grêmio mandava na partida em cima do Atlético, que se virou somente em defesa. Barcos ainda conseguiu um drible em Weverton e criou uma chance clara de gol, contudo Luiz Alberto salvou em cima da linha.

Final inédita

Com partida finalizada em empate na casa do adversário, o Atlético PR carimbou seu passaporte para a final da Copa do Brasil pela primeira vez. O primeiro jogo ocorrerá na Vila Capanema no dia 20 de novembro e a definição e levantamento de taça no Maracanã no dia 27.

 

Equipe: Giulie Hellen Oliveira de Carvalho, Lana Gillies e Letícia Joly.

Fechado para comentários.