Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Benedito

3 – Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Benedito

A atual Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Benedito é uma obra de 1946, em estilo neo-colonial.  Sua estrutura lembra muito as igrejas da Bahia. Foi construída no mesmo local da antiga igreja, demolida em 1931. Esta antiga igreja era a terceira formada em Curitiba e teve sua construção feita por escravos africanos. Tinha um estilo colonial e inaugurou no ano de 1737.

O neocolonialismo é uma arquitetura típica da época, que juntava o tradicional e o moderno, muito presente em toda a América Latina. Recentemente foi pintada seu interior e exterior. Ela agora está toda azul pastel, por dentro e por fora, dando uma sensação de leveza e conforto para quem adentra o lugar.

O nome original era Igreja de Nossa Senhora dos Pretos de São Benedito porém com a abolição da escravatura, houve a troca. Com o fim da escravidão, também, o local começou a ser conhecido como “igreja dos mortos”, pois nela “eram encomendadas as almas” antes de seguirem para o cemitério.

O interior da igreja ainda conserva os azulejos portugueses da igreja original e abriga o túmulo do Monsenhor Celso Itiberê da Cunha, antigo pároco. Os altares e crucifixos são em madeira entalhados.

Por suas peculiaridades, a Igreja é muito frequentada por turistas. Ouça abaixo um casal que passou por lá para conferir a obra.

<< a quarta igrejaa segunda igreja >>

 

 

Fechado para comentários.