Reinaldo brilha e Paraná volta a vencer

Depois de jejum de duas rodadas, Paraná saiu vencedor e subiu para o terceiro lugar da série B.

Michel de Alcantara

Em partida válida pela 23ª rodada, o Paraná Clube venceu o Paysandu pelo placar de 3 a 1 e em sua primeira vitória na série B após duas derrotas seguidas. O resultado fez o time paranista subir para a terceira colocação, com 42 pontos, cinco a mais que o quinto colocado Sport.

Dado Cavalcanti mudou o esquema tático do tricolor paranaense com três atacantes, pressionando o time paraense desde os primeiros minutos. Os gols saíram em jogadas trabalhadas. Destaque para Reinaldo, que balançou a rede duas vezes. Paulo Sérgio anotou o primeiro gol do Paraná. Aleilson marcou o gol solitário do Papão.

As duas equipes voltam a jogar no próximo sábado. O Paraná vai até Florianópolis encarar o Figueirense. Já o Paysandu retorna a Belém para enfrentar o Atlético-GO.

Eficiência

O tricolor tomou as ações da partida e abriu o placar logo aos 9 minutos, após Roniery fazer boa jogada pela lateral e cruzar na medida para Paulo Sérgio abrir o placar. Foi pelo lado direito que o Paraná encontrou mais facilidade, com Roniery passando fácil pela marcação de Gilton. O Paysandu encontrou dificuldades para sair jogando, já que o time da casa pressionou a saída de bola. Sobrou para o time paraense a ligação direta, o que não surtiu muito.

Apesar da maior posse de bola do Papão, era no o time paranista onde surgiram as chances mais perigosas, trabalhando melhor a bola. O segundo gol não demorou a sair: aos 26, em outro cruzamento, o artilheiro Reinaldo se antecipou e cabeceou para aumentar o placar. Com o gol, o Paysandu, que não apresentou muito perigo à meta tricolor, se desestabilizou em campo. O técnico Arturzinho foi obrigado a tirar o zagueiro Leonardo e colocou o atacante Aleilson, abrindo mais o time.

O camisa 9 Reinaldo foi o grande destaque da partida.  Foto: Joka Madruga / Agência Estado.

O camisa 9 Reinaldo foi o grande destaque da partida
Foto: Joka Madruga / Agência Estado.

Inversão de mando

No segundo tempo, o Paraná se fechou no setor defensivo, jogando apenas nos contra-ataques, e o Paysandu acabou dominando a etapa final. Apesar da maior posse de bola, faltou qualidade para furar o bloqueio paranista. E uma das poucas subidas ao ataque, Reinaldo dominou a bola dentro da área e chuta com grande categoria para aumentar o placar aos 23.

O resultado não modificou a postura das equipes e o Papão continou pressionando, e aos 27, em boa troca de passes, Aleilson recebe a bola e manda para o fundo das redes para diminuir o resultado. A pressão continuou, mas o Paraná conseguiu administrar o placar até o fim.

 Ficha Técnica

Local: Vila Capanema
Público Pagante: 3.934
Público Total: 4.725
Arbitragem:  Marcos Mateus Pereira (MS), auxiliado por Vanessa de Abreu Amaral (MS) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT)
Cartões amarelos: Moacir (Paraná); Eduardo Ramos e Gilton (Paysandu).

Paraná: Luis Carlos; Roniery (Edson Sitta), Alex Alves, Brinner e Paulinho; Ricardo Conceição, Moacir e Fernando Gabriel (Wellington); Kayke, Reinaldo (Felipe Amorim) e Paulo Sérgio. Técnico: Dado Cavalcanti

Paysandu: Paulo Rafael; Yago Pikachu, Fábio Sanches, Leonardo (Aleilson) e Gilton; Vanderson, Zé Antônio, Fabiano (Pablo) e Eduardo Ramos; Iarley (Heliton) e Jailton. Técnico: Arturzinho.

Fechado para comentários.