Portal Comunicare

O Portal Comunicare é a vitrine da Rede Comunicare de Comunicação, pensada e desenvolvida, em 2013, para integrar os veículos laboratoriais do Curso de Jornalismo da PUCPR. É formada pelo jornal impresso Comunicare, pela revista CDM impressa e digital, pelo Portal Comunicare, pela web rádio Comunicare e pela webTV Comunicare.

Os conteúdos dos veículos são desenvolvidos nas diversas disciplinas do Curso e por estudantes que atuam na Sala de Notícias, redação convergente de jornalismo, um projeto que reúne alunos de diferentes períodos para produção de materiais jornalísticos.

O Laboratório On/Off de Experimentos Jornalísticos, também criado em 2013, completa a Rede. O objetivo é fomentar e desenvolver pesquisas que envolvam comunicação, tecnologia, conteúdo multimídia e transmídia, aplicativos para mobile, newsgames, redes sociais e smartvs.

Portal Comunicare

Professores Responsáveis: Renan Colombo e Julius Nunes

web rádio Comunicare

Professora Responsável: Michelle Thomé

webTV Comunicare

Professora Responsável: Suyanne Tolentino

Jornal Comunicare

Professores Responsáveis: Miguel Manasses e Rafael Andrade

Revista CDM

Professores Responsáveis: Paulo Camargo e Rafael Andrade

 

Princípios de interativadade do Portal Comunicare

Os canais de interatividade do Portal Comunicare, próprios ou vinculados a redes sociais, têm como propósito a promoção do debate público, aberto à livre expressão de pensamento. Isso torna desejável e bem-vinda a participação colaborativa de universitários e membros da comunidade externa.

Espera-se que o debate seja pautado por ideais democráticos, que incluem respeito ao trabalho alheio e a opiniões divergentes. Desta forma, o Portal Comunicare se reserva o direito de excluir comentários pejorativos, ofensivos e distantes do propósito de enriquecimento do diálogo.

Em conformidade com estes princípios, não são aceitas manifestações de ódio nem de preconceito. Vedam-se, também, ações difamatórias, injuriosas e caluniosas. São proibidas, ainda, interações com propósito comercial, como difusão de spam e propaganda.

Ressalta-se, por fim, o caráter laboratorial deste veículo, que o situa em um campo destinado ao aprendizado de seus agentes, que detêm liberdade para experimentar e explorar novos conceitos e técnicas.

http://on.fb.me/1P6fiuS