Discussão sobre educação abre oficialmente Intercom Sul 2016

Cerimônia de Abertura é marcada pelo debate sobre Comunicação e Educação: os desafios de nosso tempo

Por Leticia Garib

A Cerimônia de Abertura do Intercom Sul 2016, realizado até o próximo sábado (28) em Curitiba, contou com a presença de alunos, professores e pesquisadores de diversas universidades da região sul e sudeste do país e foi realizada no Teatro Tuca, na tarde desta quinta-feira (25). O evento conta com a presença de mais de duas mil pessoas, de cerca de 90 instituições de ensino.

 

Saiba como foram os principais eventos do Intercom Sul 2016:

Dia 26 (quinta): Discussão sobre educação abre oficialmente Intercom Sul 2016

Dia 26 (quinta): Convidados analisam produção de Jornalismo em multiplataformas

Dia 26 (quinta): Intercom Sul: especialistas discutem tendências de RP

Dia 26 (quinta): Mesa debate necessidades do mercado publicitário

Dia 27 (sexta): Comunicadores debatem crise e mercado de trabalho

Dia 27 (sexta): Intercom debate cobertura da Operação Lava Jato

Dia 28 (sábado): Expocom marca último dia do Intercom Sul 2016

 

A recepção da cerimônia aconteceu com apresentação da Atlética da Escola de Comunicação e Artes da PUCPR, seguida de uma exibição do Grupo Fermata, do Núcleo de Prática e Pesquisa em Música da universidade. Os grupos interpretaram músicas que mercaram os anos 1990, como a música tema das propagandas das Lojas Pernambucanas, Aquarela, tema do Mario Bros e do seriado Chaves.

Algumas autoridades da Universidade e da organização do evento fizeram discursos de boas-vindas a todos os participantes e envolvidos no evento. O Pró-Reitor de graduação da PUCPR, Vilmar Martins; a Decana da Escola de Comunicação e Artes da PUCPR, Eliane Mafezolli; o Diretor do Intercom Sul, Marcio Fernandes, e a Coordenadora Regional do Intercom Sul 2016, Juliana Custódio, comentaram em seus discursos a importância do evento e fizeram elogios e agradecimentos a organização, comprometimento e dedicação de todos que participam de todo o processo de realização.

 

País carece de políticas públicas de Educomunicação

O debate promovido pela cerimônia de abertura foi realizado pelos professores Ismar Soares, da USP; Eduardo Yamamoto, da Unicentro; e Suyanne Tolentino, da PUCPR, com o tema Comunicação e Educação: os desafios de nosso tempo. A conversa girou em torno da palestra do professor Soares, que é pesquisador de Educomunicação, com abertura para perguntas do público.

Soares aponta que um grande problema é a falta de políticas públicas sobre o tema e que não se pode confundi-lo com mídia-educação, já que a Educomunicação surgiu na sociedade e não pode ser mercantilizada. Segundo ele, o conceito se refere ao centro do processo de comunicação, não tendo a obrigatoriedade de fazer uso da mídia e, portanto, tem certa autonomia. Ou seja, a Educomunicação é necessária para que se trabalhe a gestão da comunicação na educação.

 

Intercom Sul teve cobertura especial

O Intercom Sul 2016 ocorreu entre 26 e 28 de maio, no câmpus de Curitiba da PUCPR. O evento teve cobertura da Rede Comunicare, conjunto de veículos laboratoriais do curso de Jornalismo da PUCPR.
O Portal Comunicare cobriu os principais eventos do congresso, enquanto a Web Rádio Comunicare (www.portalcomunicare.com.br/webradio) transmitiu boa parte das atividades. Houve, ainda, cobertura por meio de redes sociais, via nossos perfis no Facebook (www.facebook.com/RedeComunicare) e no Twitter (www.twitter.com/redecomunicare).

 

Próximas edições do Intercom

O Intercom nacional deste ano ocorre entre 5 e 9 de setembro, na Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP).

Já a próxima edição do Intercom Sul ocorrerá na Universidade de Caxias do Sul (UCS), em 2017.

Fechado para comentários.