Corrida da Polícia Civil agitou o fim de semana

A data foi escolhida por ser um mês comemorativo para a Polícia

Gabriela Kuzma

Ocorreu no dia 15 de setembro às 8:00 da manhã, na Escola Superior da Polícia Civil, a 10° edição da Corrida da Polícia Civil do Paraná. Neste ano o evento bateu recordes de participação, com 500 participantes a mais que na edição anterior.

Destinada a jovens e adultos, o trajeto do circuito esse ano poderia ser escolhido entre 5km ou 10km. O percurso apresentou algumas mudanças desde sua primeira edição, que ocorreu em 2003. Atualmente a largada é na Escola superior da Polícia e o trajeto procura passar pelo maior número de unidades da Polícia Civil, já que Setembro é um mês comemorativo para o órgão, pois comemora-se o aniversario da escola da Policia Civil e também o da Polícia Civil do Paraná. O percurso padrão é inteiramente pensado para não atrapalhar o trânsito.

Idealizado por Luciano de Pinho Tavares, delegado e chefe do Grupo Auxiliar de Planejamento (GAP) da Polícia Civil, o evento tem como objetivo melhorar a qualidade de vida da comunidade desenvolvendo a prática esportiva e consequentemente a boa saúde, além de levar os habitantes para mais perto da Polícia não apenas quando se está com problemas. “O mais gratificante é ver a comunidade participando. A integração entre o órgão e a comunidade é maravilhosa, além de proporcionar a todos um momento de confraternização que já esta se tornando uma tradição entre nós”, afirma Tavares.

São entregues medalhas de participação para todos que completarem o percurso tanto de 10km como o de 5 km. Já os primeiros colocados recebem um troféu de premiação. Na corrida de 10 km a premiação é feita por categorias (feminina e masculina) e existe uma categoria especial para as policiais civis e para os delegados da polícia.

Para Rodrigo Silva (30), participante da corrida, o evento é necessário para a comunidade. “Além de ser importante para a saúde, nos ajuda sendo também um momento de integração com o povo. Ficamos mais próximos da Polícia e de certa forma acabamos nos sentindo mais seguros.”

De acordo com o médico e também corredor, João Luiz Carneiro, eventos como este são muito importantes para incentivar a prática de atividades físicas e consequentemente aumentar a qualidade de vida da população. “Além de benefícios para a saúde, a atividade física pode melhorar a qualidade do sono, a sociabilidade, aumentar a autoestima, e ainda provoca uma sensação de bem-estar”, explica o médico

A corrida, por exemplo, previne obesidade e problemas como hipertensão arterial e a osteoporose. Mas para desfrutar destes benefícios, a prática de exercícios deve ser regular. “ Também é importante lembrar que antes de sair correndo por aí, deve-se procurar um médico para fazer uma avaliação física e também um profissional de educação física que poderá orientar a prática sem causar lesões e sem por em risco a saúde”, conclui carneiro.

Equipe: Gabriela Fialho, Gabriela Kuzma, Lara Pessôa e Manuella Niclewicz

Fechado para comentários.